Menu de Categorias

Postado por em 08/06 em Empoderamento

NUTRINDO LIBERDADES

NUTRINDO LIBERDADES

Por Amina Doherty I. No verão após o meu décimo segundo aniversário, minha família chegou à pequena ilha caribenha de Antígua. Lembro-me de como a grande aeronave da British Airways 747 percorreu seu caminho através das nuvens; pela pequena janela do avião, eu olhei para baixo, para o mar azul cristalino, para as montanhas verdes e as casas coloridas espalhadas ao longo da paisagem. Eu comecei a imaginar as pessoas que viviam ali, os sabores, os cheiros, os sons e o tipo de vida que eu levaria naquele lugar. ‘Olhe, mamãe!’ Eu sussurrei. “Olhe o mar! Ele é tão azul. Você está vendo? Você está vendo? ” “Nós voltaremos para a Nigéria? Isso parece tão diferente! É aqui que vamos viver agora? “Eu perguntava com a curiosidade de criança. Naquele exato momento, lembro-me de ter visto, nos olhos da minha mãe, um profundo distanciamento que eu nunca tinha visto antes (ou talvez nunca houvesse notado). Nos seus olhos, enxerguei uma estranha junção de tristeza, medo, excitação, ansiedade, coragem, amor, fogo,...

Read More

Postado por em 05/05 em Empoderamento

CESE RECEBE IVONE GEBARA EM RODA DE DIÁLOGO SOBRE ESTADO LAICO E FEMINISMO

CESE RECEBE IVONE GEBARA EM RODA DE DIÁLOGO SOBRE ESTADO LAICO E FEMINISMO

Filósofa e teóloga feminista, doutora em Filosofia pela Universidade Católica de São Paulo e em Ciências Religiosas pela Universidade Católica de Louvain (Bélgica), Ivone Gebara é a convidada da Coordenadoria Ecumênica de Serviço (CESE) para a Roda de Diálogo “Estado Laico: o Olhar Feminista de Ivone Gebara”. O evento será realizado na Biblioteca Pública do Estado da Bahia, a partir das 18h do dia 19 de maio. Nascida em 1944, Gebara trabalhou junto com outros colegas e o bispo Dom Helder na implantação de métodos alternativos de educação teológica na linha da Teologia da Libertação. Lecionou durante 17 anos no Instituto de Teologia do Recife até sua dissolução (decretada em 1999). Ficou fora do Brasil durante os dois anos de silêncio forçado a que foi condenada e nesse período obteve seu segundo doutorado na Europa. Pertence à Congregação das Irmãs de Nossa Senhora – Cônegas de Santo Agostinho e viveu décadas no Nordeste, numa vida de “inserção” no meio popular. Desde então, a teóloga dedica seu tempo principalmente a...

Read More

Postado por em 13/04 em Empoderamento

Manifesto da Rede das Mulheres Negras do Nordeste pela Democracia

Manifesto da Rede das Mulheres Negras do Nordeste pela Democracia

  Salvador, 9 de abril de 2016   “Liberdade,liberdade abre as asas sobre nós, que a voz da liberdade seja sempre a nossa voz…”   O Brasil passa por um momento de risco, onde o que está em jogo é a ruptura de um processo de construção da democracia que tem se dado nas últimas quatro décadas. Essa fase se caracterizou com a pluralidade de vozes, identidades e sujeitos políticos que compõem o mosaico do país. O percurso de ampliação de direitos à liberdade de expressão, acesso à educação, política habitacional, saúde pública, da afirmação das mulheres, negros/as, comunidades quilombolas, LGBT e a derrocada do mito democracia racial foram conquistas caras forjadas pelo movimento social. O projeto de governo dos últimos 15 anos possibilitou a ampliação de diálogo, visibilidade das questões sociais e inclusão social. Esse contexto favoreceu o fortalecimento da participação popular por meio dos conselhos, conferências, concertações, além da criação de estruturas de gestão como ministérios da Mulher, Igualdade Racial, Direitos Humanos, que produziram novas referências de...

Read More

Postado por em 09/03 em Empoderamento

Elza Soares: “Já passou o tempo de sofrermos caladas. Está na hora de gritar”

Elza Soares: “Já passou o tempo de sofrermos caladas. Está na hora de gritar”

Com seu mais recente trabalho, Elza Soares ressurge como ícone imprescindível para uma geração de mulheres que, como ela, se assume feminista Por GRAZIELA SALOMÃO E LUCIANA BORGES, do Época São 16h30 de uma quinta-feira. A vista do quinto andar do apartamento de frente para a praia de Copacabana mostra um mar tranquilo, mas céu carregado. Está prestes a cair mais um temporal de verão no Rio de Janeiro quando Elza Soares entra na sala cumprimentando a todos com sua voz rouca inconfundível. É auxiliada por dois assistentes: por conta de problemas na coluna, que a obrigaram a fazer uma cirurgia séria em 2014, a mobilidade da cantora está reduzida. Em seus últimos shows apresentou-se sentada. Mas a sensação de fragilidade em torno desta mulher se dissipa logo. Seu nome sempre foi sinônimo de força, resistência, e assim continua. Elza escolhe a cadeira perto da janela, mira a paisagem e dispara, antes de começar a entrevista: “O Rio é a minha cidade. Ficar olhando essa imensidão do oceano cura a...

Read More

Postado por em 01/03 em Empoderamento

Articulação de Mulheres Negras Brasileiras elege nova coordenação

Articulação de Mulheres Negras Brasileiras elege nova coordenação

  Foi eleita nesta segunda-feira, 29 de fevereiro, em Brasília, durante a realização da oficina de aprimoramento e capacitação para intervenção política das mulheres negras, da avaliação da Marcha das Mulheres Negras (2015) e do planejamento das ações, prioridades e estratégias da Articulação para 2016 a nova coordenação da Articulação de Mulheres Negras Brasileiras (AMNB). A nova coordenação é composta por seis organizações de mulheres negras: Odara – Instituto da Mulher Negra (BA/Secretaria Executiva), do Imená – Instituto de Mulheres Negras do Amapá (AP), da Rede de Mulheres Negras do Paraná (PR), da Bamidelê – Organização de Mulheres Negras da Paraíba (PB),  do Grupo de Mulheres Negras –  Malungo (GO) e da CONAQ – Coordenação Nacional de Articulação das Comunidades Quilombolas (CONAQ). A AMNB é uma rede de organizações de mulheres negras distribuídas por todas as regiões do Brasil e tem como missão institucional promover a ação política articulada de grupos e organizações não governamentais de mulheres negras brasileiras, realizando o enfrentamento ao racismo, ao sexismo, à opressão de classe,...

Read More

Postado por em 11/01 em Empoderamento

Fórum Awid oferece 200 inscrições gratuitas para participantes residentes no Brasil

Fórum Awid oferece 200 inscrições gratuitas para participantes residentes no Brasil

O processo de seleção para isenção na taxa de inscrição está aberto – serão contempladas 200 pessoas residentes no Brasil! Não perca tempo, mobilize outras/os ativistas interessadas/os, preencha o formulário e envie para inscricao@awid.org!!! O prazo de envio é até o dia 8 de fevereiro. Mais em breve! Em breve compartilharemos informações sobre possíveis fontes de financiamento. Favor voltar a consultar a respeito na metade de Janeiro de 2016! Para mais...

Read More
Página 3 de 912345...Última »