Odara Instituto da Mulher Negra apoia candidatura de Matilde Ribeiro à diretora do campus Malés da UNILAB/BA

11667331_681705245295162_1506408109144972578_n

No dia 16 de julho de 2015 a comunidade acadêmica da Universidade de Integração Internacional da Lusofonia Afro-brasileira (UNILAB) estará organizada para eleger uma representação para dirigir o Campus Malés, em São Francisco do Conde/BA.  E nós, do Odara – Instituto da Mulher Negra, sempre atentas às questões que impactam na vida das mulheres negras, não poderíamos nos eximir do debate e nos posicionamos sobre a sucessão desta diretoria, que implica na efetivação de uma universidade pública federal compromissada com a interculturalidade, com a equidade e à justiça social.

Sabemos que a UNILAB é uma instituição que tem por finalidade a educação superior e a geração de conhecimentos, visando o intercâmbio cultural, científico e educacional, com países membros da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLP), especialmente os países africanos. Entendemos que é imprescindível que seus dirigentes tenham total e comprovado comprometimento com a igualdade racial, especialmente a população negra, consequentemente, com a efetivação desta empreitada

Neste sentido, é que nós do Odara organização com firmamento nos princípios fundamentais de identidade, ancestralidade e religiosidade, nos orgulhamos em poder apoiar para este pleito o nome da Drª Profª Matilde Ribeiro, Ex-Ministra da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do Governo Federal e professora na área de Humanidades nesta Universidade para ser a próxima diretora do Campus Malês, não apenas por ser uma mulher negra de destaque na sociedade brasileira, mas, sobretudo, por ter estado a frente de diversas articulações politicas contra o racismo, a intolerância religiosa e pelos direitos quilombolas.   Não temos dúvidas que como dirigente desta Instituição poderemos contar com a seriedade, comprometimento e coerência que fazem parte da sua trajetória. Nós do Odara somos todas Malês.

Odara – Instituto da Mulher Negra

Deixar uma resposta