Julho das Pretas: Seminário em homenagem as Mulheres Negras continua nesta sexta-feira

Foto: Ascom/Odara
Foto: Ascom/Odara

Na noite desta quinta-feira (23), o Espaço Cultural da Barroquinha foi espaço para a primeira noite do seminário ‘A Participação das Mulheres Negras na Política – Estratégias e Desafios’, que faz parte da programação do projeto Julho das Pretas.

A primeira noite do evento contou com a presença das poetisas Vera Lopes e Emilie Lapa interpretando poemas de Carolina Maria de Jesus. Além da mesa composta pela Yalorisà Raidalva – Ilê Axé Oyá Tolá, Benilda Brito – Nzinga (BH), Dulce Pereira – Profª Universidade Federal de Ouro Preto, Rosana Fernandes – CESE, Olívia Santana – Secretária Estadual de Política para Mulheres (BA) e Valdecir Nascimento – Coordenadora Executiva do Instituto Odara.

A também presidente do PCdoB na Bahia, Olívia Santana aproveitou o momento para alertar a importância do protagonismo das mulheres negras dentro da política. “O movimento de mulheres negras tem que discutir política de verdade. Nós vamos meter o dedo na cara mesmo. Se for sentar para negociar temos que estar na mesa como sujeitas políticas, não para sermos usadas. Porque o espaço vazio é preenchido pelos algozes”, afirmou.

Em sua terceira edição, o Julho das Pretas é um evento realizado pelo Instituto Odara – Instituto da Mulher Negra, com intuito de realizar uma agenda de atividades dentro dos movimentos de mulheres negras no mês de julho. Mês dedicado à discussão dos direitos e pautas voltadas para as mulheres negras.

O evento tem continuidade nesta sexta-feira (24) e contará com a presença de figuras como Maísa Vale – Doutoranda em estudos interdisciplinares sobre Mulheres, Gênero e Feminismo, Vilma Reis – Ouvidora da Defensoria Pública da Bahia, Célia Sacramento – Vice Prefeita de Salvador e Tia Eron – Deputada Federal.

 

 

Veja aqui as fotos do primeiro dia do seminário.

 

 

 

 

Deixar uma resposta